sábado, 29 de janeiro de 2011

Os Benefícios da Aveia



Usada na alimentação tanto de humanos como para animais, a aveia é um grão de cereal que faz parte do gênero Avena, da família Gramineae. Seu cultivo é simples e se compara com outros cereais, como o trigo. Originária do Norte da Europa, pode ser encontrada nas espécies: avena abyssinica, avena byzantina (ou aveia vermelha, cresce em climas quentes e úmidos), avena fatua, avena nuda, avena sativa, avena strigosa dentre outras. Contudo, a maioria – mais de 75% do total cultivado no mundo – é feito da espécie avena sativa (aveia branca). Pois ela é a que melhor se adapta em climas frios e úmidos.


A produção mundial de aveia gira em torno de 50 milhões de toneladas anuais. Seus maiores produtores são Rússia, Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Polônia, Finlândia e Austrália. O grão é cultivado com propósitos que vão desde para pastagens, forragens e grãos. Sua produção mundial vai aproximadamente 78% para alimentação animal, 18% para alimentação humana e os 4% restantes para uso industrial, sementes e exportação.
Sendo um erro o consumo deste cereal limitar-se tanto à alimentação animal, e ser a área plantada, insignificante em comparação ao seu potencial produtivo. Este fato deve-se, principalmente, à falta de conhecimento das pessoas em relação aos seus benefícios nutricionais, além do pequeno número de produtos que sejam atrativos, utilizando a aveia como ingrediente principal.


Famosa por ser amiga do coração, a aveia apresenta uma infinidade de benefícios nutricionais à nossa saúde. Por ser rica em fibras solúveis, ela combate o colesterol ruim, impedindo que gorduras sejam absorvidas pelo intestino, reduzindo assim as taxas de LDL (colesterol ruim) e prevenindo o câncer de intestino.

É um cereal riquíssimo em diversos nutrientes: fibras, ferro, cálcio, magnésio, zinco, cobre, manganês, vitaminas (principalmente vitamina E) e proteínas. Ideal para quem sofre de diabetes, a aveia, através de suas poderosas fibras, une-se ao açúcar dos alimentos, fazendo com que ele demore mais tempo para cair na corrente sanguínea. Pode entrar no cardápio em forma de flocos, farelo ou farinha de aveia. Em comparação, o farelo é o mais nutritivo. Seguido pelos flocos e farinha.


Mas para usufruir de todos esses atributos, é preciso incluir a aveia na rotina alimentar, consumindo-a diariamente. A recomendação para uma pessoa adulta é de 20 á 30 gramas ao dia, onde uma colher de sopa contém em média 20 gramas – quantidade equivalente á um grama de fibra.



Por Malanny Serejo /Fonte: www.guiadanutrição.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário